Ads 468x60px

About This Blog

terça-feira, 6 de março de 2012

Bomba de combustivel

Falaremos  neste tobico da bomba de combustivel com ênfase as bombas instaladas dedentro dos tanques.
                                                 SISTEMA "IN TANK"



 A bomba in tank é muito comum em motocicletas de baixa cilindradas.
As bombas de combustiveis que ficam dentro de tanques são especialmente desenvolvidas para este fim, como também são os tanques que as recebem no seu interior, com tratamento interno ante-corrosão.
Com um regulador de pressão integrado ao corpo da bomba de gasolina que exclui a necessidade  de mais uma tubulação para o retorno de combustível.



Vamos conhecer um pouco mais a respeito deste item que  faz parte de todo o conjunto da injeção eletrônica, muito importante afinal sem gasolina a motocicleta não anda.
Enviando o combustível pressurizado e na quantidade certa para o bico injetor ou valvula injetora, ainda no corpo da bomba temos o sensor do nivel de combustível.
O caminho da gasolina até a camara de combustão é chamada de linha de combustivel, atráves de suas mangueiras de conectores que faz o combustível chegar aos seus destinos.
No caso da Yamaha YS 250 Fazer essa linha conta ainda com um regulador de pressão, amortecedor de pulsação, que falaremos mais adiante.

Bomba da lander
   Pressão na linha de combustível
A pressão da linha de combustivel é controlada mecanicamente e não eletronicamente, a bomba não faz verifcação nem regulagem de pressão de combustível na linha. É necessário um regulador de pressão integrado à bomba, de forma a ajudar compensar a pressão durante o abrir e fechar do bico injetor.

Já o amortecedor de pulso da Fazer 250 tem a responsabilidade de tornar os golpes do combustível  perto do bico injetor afim de reduzir os ruidos do movimentos abre e fecha do bico injetor, e o onvio de combustivel para o motor e evitar que tenha oscilações de pressão nesta area garantindo o volume correto de gasolina na camara de combustão.

Amortecedor de pulsação Fazer YS 250
A valvula do amrtecedor é composto por uma mola e um diafragma.
 Esse amortecedor de pulsação ou amortecedor de pressão, foi instalado Yamaha Fazer YS 250, por alguns mativos como por exemplo, a pressão que se formava naquela região e falta de flexibilidade da mangueira da linha de combustível, e regulador de pressão no corbo da bomba não daria conta de aliviar toda a pressão da linha, logo quando a ECU mandesse o bico injetar combustível ele o faria, porém por conta da pressão acima do limite perto deste componente faria com que a ijeção de combustível fose maior que odesejado.

Cometario: Em um curso de injeção eletrônica que fiz há alguns anos atrás descobri que os bicos ou valvulas injetoras são projetados trabalhar com uma determinada pressão, lógico que isso se aplica ao uso correto desta peça, mas me disse o istrutor que se o bico está trabalhando com pressão alem do recomendado tem duas negativas, a primeira é ele vai injetar mais combustível, a segunda é que os furos do bico(s) vão ficar maior.
Dica: Da para resolver esse problema? Sim da, é só estabilaizar a linha de combustível no kPa (quilopascal)  recomendo pelo fabricate do modelo em questão.

Só para finalizar a questão do amortecedor de pressão, vale lembrar que na XTZ Lander da Yamaha esse problema foi solucionado com um magueira mais flexivel capaz de absorver as pressões da linha. Por tanto este item não faz parte do sistema da Lander.

Cada motocicleta equipada com o sistema de injeção eletrônica, trabalha com pressão conforme o seu projetado podendo ser entre 250~325 kPa, que equivale a 2,5 kgf,cm²~325kgf,cm² ou 36,3psi~46,2psi.
A Pressão mantém a alimentação uniforme com a voporização ideal, mas os componetes tem que ser reforçados para suportar a pressão na linha que deve ser a mesma em todos os giros do motor e o combustível injetado seja o adequado para que a mistura ar/combustível e a correta otimizando a atomização do combustívelpor meio dos orificios de saida do bico injetor.

Vamos conhecer Bomba de Combustivel com um pouco mais de detalhes.

Principais características:
  • Pressão:   A pressão é necessária para que o bico de injeção funcione corretamente
  • Vazão:      É necessária para não ter uma perda de pressão, mesmo em regime mais forçados ( aceleração, diferenças climáticas ).  O excedente do liquido volta ao tanque.
  • Corrente Elétrica: O veiculo foi projetado para suportar uma determinada corrente elétrica.  È necessário que a bomba não ultrapasse esse limite, para não haver a queima do fusível.


Imagem  ilustrativa
Bomba Elétrica de Combustível
O combustível é sugado do tanque através de uma bomba elétrica, que fornece o combustível sob pressão a um tubo distribuidor onde estão fixadas as válvulas de injeção.

A Bomba fornece mais combustível do que o necessário, a fim de manter no sistema de combustível a pressão necessária para todos os regimes de funcionamento do motor. O excedente retorna ao tanque.

A bomba elétrica de combustível não apresenta nenhum risco de explosão, pois internamente não ocorre nenhuma mistura em condições de combustão.

A bomba de combustível é isenta de manutenção. Deve ser testada e substituída quando necessário.

No sistema Motronic a bomba pode ser montada dentro do tanque de combustível (In Tank).
Dependendo do veículo pode também ser montada fora do tanque de combustível (In Line).
A bomba de combustível “in tank” possui um pré-filtro em sua extremidade, que filtra o combustível antes da passagem pela bomba, impedindo que possíveis impurezas contidas no tanque possam comprometer o funcionamento da mesma. O pré-filtro da bomba de combustível é um componente fundamental para assegurar o perfeito funcionamento do sistema.

Importante: Para assegurar o perfeito funcionamento da bomba de combustível, o pré-filtro deve ser substituído (preventivamente) a cada 30.000 km e obrigatoriamente trocado quando a bomba de combustível for substituída e ainda trocar o filtro de combustível conforme recomendação do fabricante.
  A fonte desta informação:FRANNA

No caso de pane na bomba a pressão na linha poderá ser alterada e não chegará ao motor, a moto poderá falhar e até mesmo parar de funcionar.
Dica: Quando giramos a chave de ignição para posição ON e acionando o ignestop podemos ouvir um ruido caracterisco bambo no interior do tanque de gasolina, esse ruido aumeta se o nivel de combustivel for baixi, isso é comum no sistema que está pressurizando o combustível da linha para facilitar a partida do motor e eliminar espaços vazios da tubulação. Não é aconselhavel rodar com o nivel de combustível muito baixo pois o combustível que envolve o corpo da bomba ajuda a refriar o motor da bomba.
A bomba funciona mas o combustível não chega o suficiente, tem que fazer a verificação da pressão na linha  com um manómetro.



A presurização na linha de combustível tem o tempo difinido pela ECU que é de aproximadamente 5segundos, a bomba pressurizadora conta com uma valvula de retenção que evita o retorno de gasolina durante o funcionamento e quando o motor está desligado, para manter a pressão residual.

Colocando a bomba de combustível para trabalhar
A ECU ( Unidade de Controle Eletrônico) Manda um pulso elétrico que faz com que a bomba entre em funcionamento. Ou seja a ECU liga a bomba nos modelos abaixo.
Nas motocicletas XTZ 250 Lander e Fazer 250 da Yamaha, não tem relê na bomba de combustível a ECU faz o acionamento direto da bomba de combustível. Em ambos o motor da bomba recebe tensão continua direto bateria, e a bomba pressuriza a gasolina até o bico injetor.
A ECU só manda sinais de atuação, mas não tem como gerenciar a pressão da gasolina na linha de combustível.
Dica: O manual do fabricante (no caso da Yamaha) recomenda que a bateria esteja em boas condições de uso, com uma tesão de no minimo 12,8vlts.

Se ao ligar a chave da igniçao da moto e o ruidoda bomba estiver lento ou muito baixo, muito alto oucom se stivese moendo uma peça de metálica, é sinal de há uma falha na bomba, ou circuito elétrico de alimentação. Neste caso, é preciso revisar a bomba, a pressão da linha ou o sistema.

3 comentários:

  1. Amigo, a minha fazer notei que o parafuso que fica no regulador de pressão estava quase solto. Esse parafuso fica naquela parte da ilustração na cor AZUL. Vc pode me informar a função desse parafuso? eu simplesmente apertei ele novamente.

    ResponderExcluir
  2. Meu Amigo perdoi-me por demorar a lhe responder!
    A pressão do combustivel não é eletronica e sim mecanica, por esse motivo a Fazer conta com o regulador de pressão integrado à bomba de combustivel, assim compensando a pressão na abertura do bico injetor.
    Este parafuso que fica no regulador de pressão eu desconheço

    ResponderExcluir
  3. boa noite amigo comprei uma fazer 2008 faz 1 um mês so tive dor de cabeça, na manha seguinte ao tentar liga não ligou fiquei tentando acabei descarregando a bateria, com a ajuda de um amigo pegou no tombo percebi que quando ta quente ate umas três horas após desligada ela liga normalmente após esse tempo não liga se continuar tentando descarrega a bateria .então resolve levar a autorizada Yamaha fiz limpeza do corpo de injeção etc... gastei cerca de 420 e a moto continuo do mesmo jeito questionei disseram que era a bomba e que custava 620 dei pra traz disseram que podia levar pra que trabalha com bombas que daria um jeito então levei retirarão a bomba mediram a pressão disseram que tava dando 2.5 bar e que tava baixa então desmontaram pegaram a parte do motor bulbina pegou uma que ele tinha la tirou peca de uma e de outra e armou uma, voltou a medir a pressão e deu cerca de 3.5 perguntei a eli qua era a pressão ideal ele disse 4.0 bar mas 3.5 tava ótimo então nessa, achando que tinha feito um bom negocio segundo ele agora tava boa com pressao gastei com o serviço 120 rodei 7 dias achei que finalmente estava bom, quando fui surpreendido do nada após abastecer ,ao ligar a chave a aceleração altíssima o ponteiro batendo 6(rpm)se saber o que estava acontecendo desliguei e ligue não adiantou consegui chegar em casa no dia seguinte leve em duas oficinas tentaram regular a aceleração não conseguiram na segunda disseram que era os bicos desregulados então levei de volta na autorizada pois tem menos de um mês que tinha feito a revisão deixei a moto la no dia seguinte disseram o problema ta na bomba que ta com muita pressão jogando muito combustível . a autorizada mandou que leva se a moto de volta pro cara da bomba acho que a autorizada deveria mi da uma posição melhor do problema após fazer a leitura do se texto que achei bastante explicativo pois o defeito pode ta nessa linha do tempo na qual vc se referi ou na mangueira que controla a pressa tanto se tiver pra mas ou pra menos por favor amigo mi ajuda já estou sem saber o que fazer
    de acordo com os relatos que fiz o que vc mi aconselha o que ta acontecendo de fato com essa moto descupa e que ou lego e minha primeira moto não sei oque fazer desde já grato pela atenção.

    ResponderExcluir